DATA

Seja bem-vindo. Hoje é

Seguidores

SAUDAÇÃO

SAUDAÇÃO

ASTHAR SHERAN

ASTHAR SHERAN
COMANDANTE DA FROTA INTERGALÁCTICA

DEFINIÇÃO E NOME DO BLOGUE

SOMOS AS SEMENTES ESTELARES

Escolhi este nome para o blogger em virtude de ser uma pesquisadora de muitos anos sobre tudo que se relacione com o nosso planeta, sendo a maior parte fazendo pesquisas metafísicas.

É de meu interesse indicar sites que ajudarão muitas pessoas a reavaliarem seus padrões de conhecimentos, seja no terreno cientifico e por que não dizer religioso também, pois num futuro não muito distante estes dois estarão se unindo...

Aos queridos visitantes solicito visitarem os links de sites e blogues citados nas postagens, acredito que irão gostar muito!

POSTAGENS RECENTES

Mostrando postagens com marcador J J BENITEZ. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador J J BENITEZ. Mostrar todas as postagens

domingo, 12 de junho de 2016

JESUS DE NAZARÉ SEGUNDO OS VIAJANTES DO TEMPO! (OPERAÇÃO CAVALO DE TROIA)

JESUS DE NAZARÉ SEGUNDO OS VIAJANTES DO TEMPO!
(OPERAÇÃO CAVALO DE TROIA)
sexta-feira, 8 de abril de 2016
O verdadeiro Jesus Cristo também menciona Urântia.
Seu caráter, pensamentos e ideologias que levaram à crucificação segundo um militar da USAF publicado por J. J. Benitez, dando origem aos Livros Operação Cavalo de troia.
Você acredita que um viajante do tempo foi até a data da crucificação de jesus?
Você concorda com isso?
Assista este dois espetaculares vídeos e tire suas conclusões.
Mais um post by: UFOS ONLINE
Veja os Vídeos Abaixo:
JESÚS DE NAZARET SEGÚN DOS VIAJEROS EN EL TIEMPO | ALIEN TRUTH

https://www.youtube.com/watch?v=4HD3eiGgi3g
Publicado em 22 de mar de 2016
Fonte: Alien Truth
J.J. BENITEZ CONOCE A UN ALIEN Y CABALLO DE TROYA ES REAL

https://www.youtube.com/watch?v=HPPNFGT4Qi8
Publicado em 4 de out de 2014
Fonte: autolitus
http://ufosonline.blogspot.com.br/2016/04/jesus-de-nazare-segundo-os-viajantes-do.html

quarta-feira, 30 de julho de 2014

J.J. BENÍTEZ DIZ QUE HÁ VIDA APÓS A MORTE quarta-feira, 30 de julho de 2014

J.J. BENÍTEZ DIZ QUE HÁ VIDA APÓS A MORTE
quarta-feira, 30 de julho de 2014
Em seu novo livro reúne 170 casos de aparições de pessoas falecidas, acompanhado de documentação gráfica
Conhecido por seu trabalho em ufologia e sua série de romances " Cavalo de Tróia ", o jornalista espanhol Juan José Benítez (1946), mais conhecido como" JJ Benítez ", disse ontem à noite que há vida após a morte.

O autor também que já publicou mais de 50 livros na Espanha, mais de 40 anos de pesquisa se reuniu um total de 170 casos de aparições de pessoas falecidas, coletados em um livro com grande documentação gráfica, a publicação lança debate sobre a existência de vida após a morte e dá uma mensagem de esperança para a morte.
"É um livro sobre um assunto do tópico 's A morte é a primeira investigação que começou em 1968 e terminou no final de 2012:. 170 casos de mortes que voltar", disse ele.
"Depois deste produto de 46 anos de pesquisa, mais da metade da minha vida, eu sou capaz de garantir a objetividade fortemente com que a vida existe depois da morte e da vida física que não tem nada a ver com religião
Autor que não se sabe onde as almas vão após a morte, disse que suas investigações, realizadas dedução "você morrer e acordar um em algum lugar físico que poderia ser interpretado como uma outra dimensão à nossa, um mundo paralelo", disse ele em entrevista à Notimex
Mas, acrescentou, o que importa é que é um lugar físico, tangível, onde se tem um corpo, não exatamente como o nosso, pelo menos é o que mostra a pesquisa.
De acordo com JJ Benítez, experiências selecionadas para "Eu estou bem" foram experimentados por mulheres e homens de diferentes classes sociais, idades, crenças religiosas e níveis culturais.
Ele disse no texto publicado pela Planeta, mostrado para "as pessoas que não têm contato uns com os outros, que não sabem e cujos parentes estão mortos, e eu pude interrogar de casa desde 1968, quando as investigações"
Estou ciente da primeira investigação, de 1968, e começa com um jornalista que concordo com os relatórios, eventos, entrevistas e em um desses esperando, me contou a sua história do ano de 1942, quando ele estava na II Guerra Mundial na Rússia.
"Ele era um homem que foi ajudado no meio de uma nevasca, foi com os russos, com um parceiro que tinha morrido 70 dias antes, quase dois meses."
”Sua história me intrigou porque ele sabia que o jornalista, era um homem muito sério e nunca tinha tido esse tipo de coisa e eu sei porque eu sempre disse a mesma coisa, que o seu parceiro foi morto por um morteiro e não via sentido a alguma coisa, e como eu estava interessado neste tipo de pesquisa ", disse ele
Convencidos de que avisa quando a morte vem para um, disse que os sonhos são muito importantes ", porque, através deles, as informações são passadas, as pessoas mortas aparecem em sonhos as coisas e se comunicar"

Outro caso é o de um jovem que morreu em um acidente de carro com sua esposa e dois filhos pequenos.
"Um ano, uma irmã deste rapaz tinha uma maneira peculiar de bater na chegada, em primeiro lugar, vaiou sempre muito forte e, em seguida, jogado com os nós dos dedos"
Uma noite, a irmã irmão ouviu o apito e toque na porta característica, e quando ela acordou e desceu as escadas para chegar até a porta, ele percebeu que seu irmão estava morto.
“Naquela época, ela descobriu o cheiro gás em toda a casa, e teve tempo para salvar seu marido e filhos, houve um problema com o forno ", disse ele.
Para os casos mais importantes que colocam, autor espanhol é esperança "porque, quando você ler e investigar, você percebe que eles não estão mentindo ou fazendo qualquer coisa, porque na maioria das vezes eles são experiências íntimas e pessoais que não querem entrar em publicidade. "
JJ Benítez diz sobre a morte em qualquer lugar, é um tabu ", é, um problema educacional e cultural."
"Temos séculos em que a morte é um tabu e onde as religiões têm injetado muito medo por causa da morte, onde as religiões aproveitar e captar a vontade de muitas pessoas por causa da morte e não deve ser tão"
A morte não tem a ver com alguma coisa, é física e lógica para se deslocar de um estado para outro, porque por alguma forma tem que passar as coisas da vida, um outro lugar, disse ele.
" Eu estou bem ", JJ Benitez, será apresentado em 14 de março em um local do San Ángel ainda definido
Mais um post by: UFOS ONLINE
Veja o Vídeo Abaixo:

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

ESCRITOR ESPANHOL DIZ QUE PILOTOS CONHECEM SEGREDOS DOS ÓVNIS

ESCRITOR ESPANHOL DIZ QUE PILOTOS CONHECEM SEGREDOS DOS ÓVNIScurso excel
domingo, 8 de setembro de 2013
“O fenômeno óvni é real”, diz J. J. Benítez
O jornalista e escritor espanhol Juan José Benítez, ou simplesmente J. J. Benítez, é conhecido por suas obras e declarações polêmicas
Já afirmou, por exemplo, que a Bíblia é a palavra dos homens, e não a de Deus.
Também já disse que sua mais famosa criação, a saga Cavalo de Troia, sobre dois pilotos americanos que viajam no tempo e acompanham os últimos anos de Cristo, não se trata de imaginação

Certa vez, perguntado sobre o tema ufologia, afirmou:
“Faço minhas investigações em silêncio.Publicarei algum dia”
Benítez cumpre a promessa ao lançar Encontro na Montanha Vermelha (Editora Planeta)
A obra apresenta o escritor de 66 anos como um caçador de óvnis,
trazendo entrevistas e relatos sobre fenômenos ufológicos avistados em várias partes do mundo, em especial junto ao vulcão inativo que dá nome ao livro, na região das Ilhas Canárias
Benítez conta que ouviu relatos sobre óvnis no local em numerosas ocasiões, o que o instigou a viajar até a Montanha Vermelha e nela se instalar durante vários dias
Os detalhes da experiência o escritor prefere contar apenas no livro,
mas não sem despertar a curiosidade ao relatar que pôde ver de perto a forma e a luz do inexplicável
“O fenômeno óvni é real”, garante
Relatos de pilotos Além da observação pessoal, o escritor investiga as experiências de pilotos
No comando de aeronaves de diferentes operadoras ou a serviço militar, eles são descritos como testemunhas “número um” por Benítez.
Conforme ele, foram mais de 80 tripulações questionadas para sua jornada pelo fenômeno.
“Os pilotos são profissionais do ar
Estão técnica e psicologicamente preparados para conhecer tudo o que há no céu”, afirma em entrevista ao Terra, que enviou as perguntas por e-mail para sua assessoria de imprensa e recebeu,
escaneadas, as respostas manuscritas
Uma das passagens da obra aborda o suposto avistamento de um grande óvni pela tripulação do voo RG-753 da Varig, extinta companhia de aviação brasileira.
O caso teria ocorrido em 1976, entre Madri e Sevilla, com o avião saindo do Galeão, no Rio de Janeiro
O escritor diz que teve acesso, inclusive, a parte da conversa entre o comando da aeronave e a torre de controle de Sevilla
No Brasil Conforme Benítez, há registros ufológicos no Brasil e documentos secretos ainda não revelados pela Aeronáutica
“Não conhecemos os detalhes, mas se trata de civilizações não humanas que possuem uma grande vantagem tecnológica.
Os militares - também no Brasil - estudam o fenômeno desde o final da Segunda Guerra Mundial.
Eles têm provas e informações irrefutáveis.
Sabem o que é, mas mantêm segredo”, justifica.
Um desses casos ele elenca entre os mais interessantes aos quais já teve acesso
“Conheci o caso de um piloto da Forca Aérea Brasileira que foi extraído por uma nave de seu avião em voo e o aparelho seguiu voando sem piloto.
Minutos depois, o piloto voltou ao interior do caça”, conta
Ocultação Apesar do tom aparentemente fantasioso do relato,
Benítez tem grande segurança de sua veracidade
Segundo ele, as provas existem, embora sejam retidas pelos militares.
Um exemplo famoso de ocultação, indica, é o caso Roswell, ocorrido no Novo México, nos Estados Unidos, em julho de 1947
Na época, um óvni teria caído na Terra, e a Força Aérea Americana, se apoderado de seus destroços
“Mas é altamente secreto”, afirma
De acordo com Benítez, a revelação de presença alienígena na Terra poderia resultar em desequilíbrio econômico, educacional e religioso
Ele avalia, porém, que não é por isso que os militares retêm evidências de evidências de contato com extraterrestres
“Os militares ocultam as informações sobre óvnis porque, se as reconhecessem, os cidadãos poderiam lhes exigir responsabilidades.
Os militares sabem muito bem que as naves não humanas são tecnicamente superiores.
Eles não estão dispostos a perder sua hegemonia e, por isso,
ocultam”, finaliza.
Fonte:
http://noticias.terra.com.br
Veja o Vídeo Abaixo:
Fonte:
MegaDANRC 
curso excel

quarta-feira, 2 de outubro de 2013

"Existiu Outra Humanidade" de J. J. Benitez

"EXISTIU OUTRA HUMANIDADE" DE J. J. BENITEZ
QUARTA-FEIRA, 23 DE JANEIRO DE 2008







CAPÍTULO 10
Faz 13.000 anos —afirma Much—, a Terra sofreu um dos mais espantosos bombardeios cósmicos de sua história.
—Segundo as lendas, a queda de um grande meteorito —tal e como fazia referência no terceiro capítulo— provocou a desolação e a morte ao longo e largo do planeta.
O impacto do asteróide foi tão violento, tão dilacerador, que aquela alucinante destruição ficou como prisioneira no espírito e na memória coletiva dos escassos povos que sobreviveram.
E se transmitiu com força de umas raças a outras, a pesar do impressionante lapso de tempo transcorrido.
Essa catástrofe, como digo, segue em pé hoje no fundo dos livros chamados sagrados ou Santos.
No fundo dos livros das culturas do mundo e no fundo do corpo redondo e azul da própria vítima: a Terra.
Sigamos, por exemplo, documentadas afirmações do mencionado Much, recolhidas com detalhe pelo P. Kolosim.
O asteróide —afirmou Much contribuindo uma imponente documentação astronômica e geológica— se apresentou pelo Noroeste, penetrando na capa atmosférica a uma velocidade de 15 a 20 quilômetros por segundo.
A 400 quilômetros da Terra começou a avermelhar, para voltar-se logo, a causa do roce com o ar, tão incandescente para cegar a quem o tivesse cuidadoso.
A pouca distância do Atlântico, superada uma temperatura de 20.000 graus, o corpo celeste estalou.
Primeiro voou, feita pedacinhos, sua parte exterior, que, reduzida a um enxame de gigantescos meteoros, abateu-se sobre a América setentrional; depois, o núcleo se partiu em dois, golpeando a nosso globo com um peso de meio trilhão de toneladas, perto dos 30 graus oeste e 40 graus Norte, no centro do arco formado pela Florida e as Antilhas.
A zona diretamente afetada pode ser identificada com um lance do chamado Dorso Atlântico, onde abundam os vulcões submarinos e a espessura da casca terrestre se reduz a 15-20 quilômetros,
quando em qualquer outro lugar mede de 40 a 50 quilômetros.
O fundo oceânico se afundou desde Porto Rico até a Islândia e se desencadeou o pandemônio.
Com um estrondo apocalíptico —prossegue Much—, uma coluna de fogo brotou da ferida para o céu, conduzindo gases venenosos,
cinzas vulcânicas e magma ardente.
Tudo ardeu ou ficou incandescente em milhares de quilômetros.
O oceano começou a ferver.
Inimagináveis massas de água se converteram em vapor mescladas com pó e cinzas, foram transportadas pelos ventos ocidentais sobre o Atlântico.
Depois de um terrível dia e uma terrível noite, a ilha moderada dos atlantes se afundou...
Não passou muito tempo —escreve o cientista austríaco— antes de que a ferida de nosso planeta se estancasse com uma crosta negra e dura.
O terrível dia e a terrível noite de que fala Platão em suas obras tinham bastado, entretanto, para extinguir completamente a vida da Terra.
Pois antes de que as massas de água se movessem em forma de nuvens, as explosões de magma transtornaram a atmosfera e propagaram os gases venenosos que, invisíveis, matavam rapidamente e sem dor.
Mas retornemos por uns instantes à cena que tinha lugar na Sibéria norte-ocidental e que deixamos em suspense no referido terceiro capítulo.
Quase sessenta horas depois da queda do meteoro, os grandes cadáveres dos elefantes jazem na clareira e entre as árvores destroçadas da selva.
O vendaval agita suas pelagens e o Sol ilumina em forma estranha:
leitoso e opaco.
O gorgorejar do rio e o uivo da tempestade que empurra às densas nuvens são os únicos ruídos que dominam a paisagem morta.
Pouco a pouco, o pano de fundo de nuvens oculta o Sol, e o estrépito do furacão se aplaca.
Durante dois, três segundos, reina o silêncio.
Depois, começa o dilúvio.
A água, mesclada com lama e cinzas, precipita-se do céu, e em poucos minutos a carniça dos elefantes fica coberta por uma viscosa massa cinza escura.
Esta cresce ininterrumpidamente, inunda a clareira, obstrui o rio,
desarraiga troncos gigantescos
—Durante seis dias e seis noites chove água, cinza e lama sobre os corpos dos animais mortos, sobre as novelo moribundas.
Chove a correntes escuras até que a zona fica inundada.
E com a chuva veio o frio.
A violência da colisão tinha aproximado Sibéria ao Pólo quase 3.500 quilômetros.
As massas de água ficaram geladas, com centenas de elefantes e rinocerontes lanzudos mortos...
Se a Atlântida foi literalmente engolida —afirma Kolosimo— pelo abismo aberto entre a América e Europa, Mu pôde ser desintegrado facilmente pela erupção de todos os vulcões que albergava e que a tradição estima muito numerosos (a região do Pacífico conta ainda hoje com 336 em atividade entre os 430 do mundo inteiro)
As crateras de todo o planeta deveram ter vomitado o inferno a conseqüência do gigantesco maremoto originado pela queda do corpo celeste.
Depois, as cinzas eruptivas se foram amassando até envolver o globo em uma entupida capa de nuvens, tampando o Sol e dando lugar a furiosas chuvas. calcula-se que tão somente na Europa e Ásia setentrional caíram em seis dias mais de vinte mil trilhões de toneladas de água e três bilhões de toneladas de cinzas.
O nível meio das precipitações foi, pois, de 30 metros...
quis me estender no relato do Much porque, embora suas teorias sobre o formidável cataclismo que sofreu a Terra são compartilhadas por numerosos autores, em sua hipótese falta algo essencial.
Algo que, logicamente, o cientista austríaco não pôde conhecer naquele momento: algo que está na biblioteca de pedra encontrada no Peru.
Nas pedras da Ica —tal e como assinalava ao princípio desta obra— se manifestou a proximidade de um apocalíptico cataclismo.
Uma destruição que pôde ser muito similar à descrita pelo Much,
mas que —segundo se manifesta na biblioteca lítica— teve uma origem e um tempo diferentes.
Heis aqui a explicação que sobre dita destruição me proporcionou Javier Cabrera Darquea frente a várias centenas de pedras relacionadas com este cataclismo:
—A Humanidade que faz milhões de anos povoava o planeta tinha um elevado nível tecnológico.
Isso o vimos já em muitas das séries de pedras que tenho analisadas.
Esta civilização perdida no tempo tinha vencido a força da gravidade, voava ao espaço, conhecia os mais profundos segredos da Astronomia, etc.
E sabia também que o planeta dispunha a seu ao redor de um cinturão eletromagnético, que hoje nós acabamos quase de descobrir e batizar com o nome de Vão Allen.
Esse cinturão podia ser utilizado para uso industrial e tecnológico e a Humanidade gliptolítica o fez.
Mas, como?
Nas pedras —em muitas delas— há pirâmides.
Pirâmides que se levantavam na zona do Equador terrestre.
Um Equador que não coincidia de tudo com o atual. por que estavam ali essas pirâmides?
As pedras o detalham.
A civilização pré-histórica que gravou estas pedras construiu sortes pirâmides para captar e transformar essa energia eletromagnética que rodeava a Terra.
—Dita energia —uma vez convertida em elétrica— se distribuía a todos os continentes, tal e como mostram as pedras gravadas.
A Humanidade pré-histórica conhecia também a eletricidade.
Entretanto, com o passo dos séculos, o uso excessivo desta fonte de energia ia dar lugar a mais tremenda destruição de que se tenha conhecimento.
Como terá apreciado em muitas das pedras fabricadas —continuou Javier Cabrera— nosso planeta tinha naquelas épocas remotas três Luas ou satélites naturais.
Duas delas, possivelmente, eram menores que a que hoje conservamos.
Pois bem, ao chegar-se a um consumo extremo da citada energia eletromagnética, o planeta, lentamente, foi aumentando seu magnetismo natural, de tal forma que —progressivamente— foi rompendo o equilíbrio entre as luas mais próximas ao globo e nosso mundo.
Mas este fato não se produziu subitamente.
A maior força de atração do planeta constituiu um fato gradual e lento.
Entretanto, aqueles homens o descobriram.
E compreenderam o alcance do inevitável desastre.
Possivelmente passaram séculos antes que uma ou duas daquelas Luas —as mais próximas e de menor diâmetro— se aproximassem tanto à Terra para cair violentamente sobre nosso mundo.
O fato incontrovertível é que esses astros se precipitaram um dia sobre o planeta.
E provocaram a mais espantosa das destruições que jamais recorde o gênero humano.quebrado-se o equilíbrio natural, e a civilização humana —uma vez mais— se auto-destruiu.
A queda do satélite ou satélites afundou parte dos continentes,
gretou a casca terrestre e desencadeou possivelmente um interminável dilúvio.
Mas esse dilúvio não se formou de maneira súbita.
A Terra —conforme se aprecia nas pedras— carecia então de pólos.
E a relação terra-água não era a atual.
Havia então muita mais terra que oceanos. por que?
O planeta tinha experiente um comprido aquecimento.
E este processo de aquecimento, fazendo que boa parte das águas se evaporassem, concentrando-se na atmosfera.
Naquela era, a Terra devia apresentar do exterior um aspecto muito similar ao que hoje tem Vênus.
As nuvens eram extremamente densas cobriam quase por completo a superfície do globo.
Aquele fato provocaria indubitavelmente um dilúvio universal como uma conseqüência mais do grande choque dos astros com nosso mundo.
O que então era Atlântida —e que tinha ido derivando já em direção Este— fazia muito tempo se afundou só em parte.
O resto ficou deslocado violentamente, formando o que hoje conhecemos pela Europa e norte da África.
Mas Mu não se afundou então, tal e como pretendem muitos autores.
O continente tinha ido viajando também para o Oeste, deixando detrás de si —a todo o comprido do Pacífico— um rastro de ilhas e arquipélagos que hoje existem ainda em boa parte.
Mu chegaria a formar a Ásia, tal e como já te expliquei...
Como vemos, a diferença em relação às teorias do Much sobre a origem da catástrofe é ampla.
E não o é menos na hora de analisar o tempo transcorrido após.
Para o Much, a queda do asteróide sobre o Atlântico pôde ocorrer faz aproximadamente 10.000 anos.
Isto explicaria —afirma o cientista— a mudança de clima em grande parte da Europa e o desaparecimento da capa de gelo que cobria por aquelas datas, além da Escandinávia, Grã-Bretanha e Irlanda,
quase a totalidade do continente europeu.
E isto aconteceu —prossegue Much— porque, ao desaparecer Atlântida do centro do oceano, a chamada corrente do Golfo teve aconteço franco para as costas da Europa.
E a cálida corrente fez mais benigno o clima.
Por outra parte Much apóia esta teoria na existência no fundo do Atlântico —junto a Porto Rico—, assim corno na América centro-meridional, Geórgia, Virginia e Carolina, de vastas crateras abertas faz 10.000 ou 12.000 anos por enormes meteoritos.
Por último, afirma que os citados bólidos celestes caíram precisamente na época em que um indescritível sismo formou as cataratas do Niágara e elevou os Andes até convertê-los em uma das mais imponentes cordilheiras do globo.
Dificilmente podemos fixar o processo de desglaciação 10.000 anos atrás, posto que —segundo os últimos estudos, já referidos em outra passagem deste livro— os cientistas, entre eles Claude Lorius, fixam o começo do último período glacial entre 9.000 e 10.000 anos atrás...
É agora, precisamente, quando acaba de começar a desglaciação.
A teoria, portanto, da mudança de clima na Europa, como conseqüência da atracação da corrente do Golfo até as costas européias não resulta muito lógica.
Mas existem mais contradições nas hipótese do Much.
Essas crateras que foram descobertos no fundo do Atlântico puderam ser provocados, em efeito, por uma chuva de grandes meteoritos.
Entretanto, tampouco podemos esquecer que a Terra, em sua constante viagem pelo espaço, cruzamento de vez em quando verdadeiros rios ou correntes de asteróides que seguem um curso definido no Universo.
O planeta, ao atravessar ditos rios de pedras, faz que muitas delas caiam sobre sua superfície, formando o que nas noites estivais estão acostumado a denominar estrelas fugazes.
Muito regularmente, cada ano, a Terra atravessa vários de ditos
Isto foi o que ocorreu por exemplo, entre o 9 e em 17 de agosto de 1902, com um máximo de estrelas fugazes na noite do 12 do referido mês.
Aquela entrada de nosso casco de navio sideral —a Terra— no leito de pedras que viajavam também pelo Cosmos produziu um espetáculo indescritível.
Muito belo.
Como se milhares de estrelas errantes caíssem a um mesmo tempo e sobre uma mesma zona.
Os astrônomos denominaram aqueles fogos de artifício com o nome de perseidas, posto que as estrelas fugazes procediam da constelação do Perseu.
Naquela ocasião —e segundo cálculos dos observadores soviéticos— os meteoritos que se precipitaram sobre a atmosfera terrestre apenas se pesavam uma fração de grama.
Mas não sempre essas chuvas de pedras siderais constituíram um inofensivo espetáculo.
Em tempos remotos, outros meteoritos gigantescos caíram sobre a superfície do mundo, abrindo crateras, sim, de até 100 quilômetros de diâmetro, como aconteceu faz duzentos milhões de anos na África do Sul.
Naquele violento choque com a Terra, o asteróide afundou a crosta sólida do globo e fez brotar o magma pastoso do que os vulcões nos oferecem algumas mostra na lava.
Mas, até reconhecendo esta possibilidade, em relação com as crateras existentes no fundo do oceano Atlântico, mais provável parece, não obstante, que os mesmos tivessem sua origem na sublevação da cordilheira que divide dito oceano em duas partes quase simétricas.
Por último, a cordilheira andina não se levantou faz 10.000 anos, tal e como afirma Kolosimo.
Precisamente a revolução da montanha —que daria origem às grandes cordilheiras do planeta— terá que centrá-la nos começos da Era Terciária.
Faz, portanto, mais de 60 milhões de anos...
Dificilmente em soma, podemos fixar esse formidável cataclismo 10.000 anos atrás.
Mas isto, além disso, encontra nas pedras gravadas da Ica uma prova decisiva.
Na grande biblioteca não se está falando de 10.000 anos.
Nem sequer de 100.000 ou de um milhão.
As séries que aparecem gravadas nas pedras —todas unidas e vinculadas entre si— nos remontam muito mais atrás: às foi dos formidáveis répteis voadores, dos dinossauros, dos agnatos...
Quer dizer, a um tempo que teve lugar faz milhões de anos.
Aquela Humanidade, como dizia anteriormente, soube com antecipação a proximidade do cataclismo que ela mesma tinha engendrado.
E se apressou a deixar uma mensagem, uma biblioteca, em que se mostrasse a possíveis civilizações ou Humanidades posteriores todo seu conhecimento, experiência e sabedoria.
Aquela Humanidade deixou um legado, tal e como hoje estão levando a cabo já os cientistas norte-americanos, ante a possibilidade de uma nova auto-destruição termonuclear.
Hoje, esses homens de ciência —apoiados pelo Governo dos Estados Unidos— estão enterrando todos os conhecimentos desta Humanidade em microfilmes que encerram em tubos ao vazio.
Mas, o que acontecerá se algum dia são encontrados por um novo homem primitivo?
Logicamente os utilizará para acender fogo e esquentar-se.
Não compreenderá o que aquilo significa.
E possivelmente o destruirá...
Essa é a diferença com esta outra mensagem, gravado em pedras,
que permaneceram enterradas durante milhões de anos e que nunca poderiam ser jogadas no fogo para esquentar a homens primitivos
—Mas, por que precisamente em pedra?
—perguntei ao Javier Cabrera.
—É que conhece algum material mais idôneo?
É que os metais poderiam suportar o passo de milhões de anos?
Só a pedra pode obtê-lo e só se se encontrar, como neste caso,
protegida.
Aquela palavra —protegida— encerrava um significado tão lhe apaixonem como estremecedor.
Dias depois, Javier Cabrera me explicaria seu sentido real.
Agora, nossa conversação tinha entrado em outra fase não menos interessante que as anteriores.
A presença de pirâmides naquelas pedras me tinha desconcertado desde o começo.
Examinei uma e outra vez as pedras gravadas e cheguei à conclusão de que aquilo, efetivamente, eram pirâmides.
Mas, então, por que as consideramos nós como tumbas faraônicas?
Pastora de cabras sorriu.
E me expôs seus argumentos, em parte compartilhados por outros muitos cientistas do mundo:
—Uma civilização como a egípcia, ponhamos por caso, apesar de seu desenvolvimento e conhecimento das Ciências, carecia dos necessários meios técnicos para mover e levantar uma obra como a grande pirâmide do Keops.
Cálculos modernos concretizaram que, só para transladar a pedra até pé de obra, requereram-se mais de 600 anos
E nos valendo de nossos meios atuais!
—Mas, quem construiu então as pirâmides?
—A Humanidade gliptolítica.
Assim está gravado nas pedras que constituem sua mensagem.
Estas pirâmides eram utilizadas para captar a energia eletromagnética, já o havemos dito...
O que ocorre é que, milhões de anos depois, os faraós, ao dar-se conta da magnificência desta obra, quiseram que os enterrassem em seu interior.
Converteram-nas em tumbas.
E inclusive trataram de imitar sua construção.
Mas a primeira finalidade, o motivo real pelo que foram construídas,
não foi esse.
A Humanidade gliptolítica construiu pirâmides a todo o comprido do Equador terrestre.
Hoje ficam alguns vestígios dessa formidável obra no Egito,
América e Ásia.
uitas outras resultaram destruídas pelo grande cataclismo ou por posteriores desastres.
E possivelmente algum dia encontremos seus restos...
Uma nova pergunta me queimava nos lábios.
—Em certa ocasião afirmou que não todos os seres desta Humanidade pré-histórica pereceram ou ficaram no planeta.
Uma minoria —comentou— saiu da Terra.
Mas, para onde?
O médico icano não respondeu.
Mas me rogou lhe seguisse até a entrada de seu centro-museo.
Ali se inclinou sobre uma pedra de grande tamanho e me respondeu com firmeza:
—As elites viajaram ao Pleyades.
Concretamente, a um dos planetas de dito amontoado estelar.
Outra vez Pleyades.
Mas, por que este lugar do firmamento?
Lembrei-me então de uma das entrevistas anteriores.
Javier tinha falado de duas pedras nas que apareciam gravados uns hemisférios que não pareciam corresponder à Terra.
São de outro mundo, havia dito o investigador.
Minha mente, não sei bem por que, vinculou-o a esta fuga das elites para um estranho planeta.
E acertei.
Javier Cabrera se incorporou e me assinalou as duas pedras que eu tinha visto já naquela ocasião
—Partiram ali —me respondeu com a voz tremente pela emoção
—. Nesse planeta, nesses hemisférios desconhecidos para nós,
hospedaram-se.
—Mas, por que escolheram precisamente esse?
Aguardei a resposta com espera.
Mas Pastora de cabras, encerrando-se uma vez mais em si mesmo,
murmurou tão somente:
—Acredito que o mundo se assustaria se soubesse.
Eu não pude conciliar o sonho em muitos dias.
Este achado trocou, inclusive, minha vida...
Só posso te dizer no momento que aquela Humanidade tinha já conhecimento da existência de tal planeta no Pleyades...
Não o escolheram porque sim.
—Está relacionado com essas dezenas de pedras do quarto secreto?
Javier Cabrera me olhou fixamente e, ao comprovar que me aproximava da realidade, limitou-se a me dar uma palmada nas costas, caindo desse instante em um mutismo absoluto.
Profundo.
Quase aterrador.
Tivemos que trocar o rumo da entrevista.
E retornamos à primeira pedra: a que mostrava todo um acoplamento de duas naves espaciais em pleno vôo.
Mais sereno, Javier Cabrera me explicou assim o significado daquela transcendental ideografia:
—Aqui vê, em efeito, duas naves, dois pássaros mecânicos simbólicos, que estão realizando todo um acoplamento espacial.
Exatamente igual a nossos astronautas.
Um dos humanóides realiza o acoplamento...
Assim era, efetivamente.
Assim aparecia naquelas gravações.
A nave principal —continuou Cabrera— é dirigida por este homem,
que ostenta a chefia da expedição.
Ele representa a energia cognitiva e de mando.
Um daqueles homens gliptolíticos, em efeito parecia dirigir ao grande pássaro mecânico.
Sobre a segunda nave, outros 2 seres obedeciam ordens do comandante da expedição.
—Estas naves —segundo minhas investigações— levavam em seu interior todo um carregamento de vida.
Eram as elites do planeta que abandonavam a Terra antes de que esta sofresse a grande catástrofe.
Para então, para quando essas elites decidiram sair do globo, tudo se dava já por perdido.
—E o que aconteceu com os que ficaram no planeta?
—Pereceram em sua maioria.
O cataclismo sumiu a Terra na mais absoluta desolação.
É possível que os que chegassem a sobreviver tivessem que começar de novo...
Inclino-me a pensar que o choque foi de tal calibre, de tal transcendência, que esses poucos seres que puderam salvar-se encontraram virtualmente a zero.
E com o desaparecimento daquele filum humano pôde começar sua caminhada uma nova Humanidade.
Outra Humanidade que arrancava possivelmente das cavernas...
Ocorreu realmente assim?
Desapareceu por completo aquela Humanidade misteriosa?
Ficaram homens gliptolíticos pulverizados pela Terra?
Quanto tempo deveu acontecer até que uma nova civilização alcançou as mesmas metas da Humanidade que acabava de ser arrasada do globo?
Possivelmente nunca saibamos.
O certo, o evidente, é que o homem gliptolítico quis deixar perseverança de seu passo pelo mundo.
E um dia, por acaso, alguém encontrou toda uma mensagem.
Uma mensagem —isso sim— de sobrevivência.
E nenhuma série da biblioteca lítica o demonstra melhor que nada ao mostrar os revolucionários conhecimentos de Medicina que tinha alcançado aquela civilização.







conhecimentos que fazem empalidecer, inclusive, os de nossos melhores cirurgiões e especialistas.
FONTE: Trecho do Livro "Existiu Outra Humanidade" de J. J. Benitez
Related Posts with Thumbnails

Arquivo do blog

Marcadores

11 11 ( 9 ) 2011 ( 11 ) 2012 ( 107 ) 2013 ( 23 ) 2014 ( 25 ) 2015 ( 10 ) 2016 ( 5 ) 2017 ( 6 ) A ARCA DA ALIANÇA ( 3 ) A CHAVE DE HIRAM ( 2 ) A EQUIPE ( 38 ) A ESFINGE ( 27 ) A FONTE ( 28 ) A GRANDE INVOCAÇAO ( 3 ) A PEDRA FALA ( 3 ) ABANDONO A LUZ ( 9 ) ABDRUSCHIN ( 1 ) ABDUÇÃO ( 46 ) ABRAHAM ( 61 ) ABRAN LINCOLN ( 2 ) ABUDÇÃO ( 3 ) ACARTIANOS ( 1 ) ADAMA DE TELOS ( 40 ) ADAMU ( 2 ) ADAMUS SAINT GERMAIN ( 128 ) AELOLIAH ( 1 ) AEOLUS ( 2 ) AGAMENON ( 2 ) AGARTHIANOS ( 19 ) AGRADECIMENTOS ( 2 ) AGRICULTURA NATURAL ( 1 ) AGUIAS DOURADAS ( 1 ) AIR ( 1 ) AISHA NORTH ( 16 ) AIVANHOV ( 9 ) ALBARAN ( 2 ) ALCIONE ( 4 ) ALCORÃO ( 1 ) ALDOMON FERREIRA ( 1 ) ALDOUS HUXLEY ( 1 ) ALERTAS ( 6 ) ALEX COLLIER ( 9 ) ALEXANDRA MEADORS ( 2 ) ALEXIS ( 18 ) ALFA CENTAURO ( 3 ) ALFA E OMEGA ( 3 ) ALIANÇA DAS ESFERAS ( 1 ) ALIMENTAÇAO ( 8 ) ALINHAMENTO ( 2 ) ALMA GEMEA ( 4 ) ALONGAMENTOS ( 1 ) ALTARAEL ( 2 ) AMIT GOSWAMI ( 4 ) AMPARADORES ( 1 ) ANCIÃO DOS DIAS ( 1 ) ANDREW CARLSSIN ( 1 ) ANDROMEDA ( 109 ) ANGELUS ( 1 ) ANJO CAMAEL ( 2 ) ANJO SITAEL ( 1 ) ANJOS ( 188 ) ANO NOVO ( 4 ) ANÔNIMOS ( 1 ) ANTAKARANA ( 3 ) ANTARES ( 12 ) ANTENA PROTEÇÃO ( 1 ) ANTHAR - Eterno Agora ( 148 ) ANTHRATHON ( 10 ) ANUNNAKI ( 22 ) APOMETRIA ( 1 ) AQUECIMENTO GLOBAL ( 13 ) AQUIFERO ( 1 ) ARCA DE NOE ( 1 ) ARCANJO ALARIEL ( 1 ) ARCANJO ANAEL ( 74 ) ARCANJO ARCAHNEL ( 1 ) ARCANJO ARIEL ( 6 ) ARCANJO AZRAEL ( 4 ) ARCANJO CASSIEL ( 1 ) ARCANJO EZEQUIEL ( 1 ) ARCANJO GABRIEL ( 199 ) ARCANJO HANIEL ( 1 ) ARCANJO INDRIEL ( 1 ) ARCANJO ISMAEL ( 1 ) ARCANJO JOFIEL ( 12 ) ARCANJO LUCIFER ( 12 ) ARCANJO MIGUEL ( 813 ) ARCANJO RAFAEL ( 38 ) ARCANJO RAGUEL ( 1 ) ARCANJO SAMAEL ( 1 ) ARCANJO SAMUEL ( 3 ) ARCANJO SANDALFON ( 9 ) ARCANJO TZADKIER ( 1 ) ARCANJO URIEL ( 91 ) ARCANJO ZADKIEL ( 20 ) ARCONTES ( 8 ) ARCTURIANOS ( 669 ) ARMAS LASER E MICROONDAS ( 1 ) ARQUELLE ( 1 ) ARTE ( 1 ) ARTHRATHON - Pedro ( 12 ) ARTIGOS ( 3 ) ARTUR BERLET ( 1 ) AS CORES EM NOSSO CEREBRO ( 1 ) ASCENÇÃO ( 170 ) ASHLOM ( 1 ) ASSASSI ( 1 ) ASTEROIDES ( 1 ) ASTHAR SHERAN ( 602 ) ASTROLOGIA ( 21 ) ATLANTIDA ( 15 ) AUDIOTECA ( 2 ) AURA ( 4 ) AURITHIEN ( 8 ) AURORA ( 2 ) AUTO AJUDA ( 77 ) AUTO CONHECIMENTO ( 232 ) AUTRES DIMENSIONS ( 10 ) AVATARES ( 2 ) AVISO ( 1 ) AVISOS ( 27 ) AYAM (EU SOU) ( 7 ) AYRTON SENNA ( 1 ) AYTON SENA ( 1 ) AYURVEDA ( 1 ) AZAZEL ( 2 ) BANHOS ( 1 ) BARACK OBAMA ( 2 ) BARBARA MARCINIANIK ( 2 ) BARREIRA DE FREQUENCIA ( 3 ) BASHAR ( 17 ) BENJAMIN FULFORD ( 215 ) BETELGEUSE ( 3 ) BIDI ( 48 ) BILL WOOD ( 4 ) BLOG SOS ( 4 ) BLOSSON FED DA LUZ ( 153 ) BLUE BEAM ( 12 ) BOB DEAN ( 5 ) BOB LAZAR ( 1 ) BORIS PETROVIC ( 2 ) BORISKA ( 1 ) BOSON DE HIGGS ( 1 ) BRASIL ( 79 ) BRIAN WEISS - REGRESSÃO ( 1 ) BRIC ( 1 ) BURACO NEGRO ( 3 ) CABALLA ( 4 ) CALUNGA ( 4 ) CAMPO MAGNETICO ( 1 ) CANALIZAÇAO ( 30 ) CARL SAGAN ( 1 ) CARLOS PAZ WELLS ( 2 ) CARLOS TORRES A LEI DA ATRAÇÃO ( 3 ) CARLOS VEREZA ( 1 ) CARMA ( 1 ) CARNAVAL ( 4 ) CARTA ABERTA ( 2 ) celebração ( 1 ) CELENA AZUL ( 1 ) CELIA FENN ( 1 ) CENTROS PLANETARIOS ( 1 ) CEPHEUS ( 3 ) CEREBRO CORAÇAO ( 2 ) CERN ( 12 ) CETACEOS ( 1 ) CHAKRAS ( 27 ) CHAMA TRINA ( 2 ) CHAMA VERDE LIMAO ( 1 ) CHAMA VIOLETA ( 11 ) CHAMADO MITICO ( 2 ) CHAVES ENOCH ( 8 ) CHENTRAILS ( 13 ) CHICO XAVIER ( 26 ) CHRISTINE DAY ( 6 ) CICLO LUNAR ( 1 ) CIDADES LUZ ( 2 ) CIENCIA ( 129 ) CINEMA METAFISICO ( 19 ) CINTURÃO FOTON ( 40 ) CIRCULO CARMESIN ( 8 ) CIRCULO DOS SETE ( 3 ) CITAÇÕES ( 1 ) CLONES ( 2 ) CMTE ASHENER ( 1 ) CO CRIAR ( 11 ) COBRA ( 372 ) CODEX ( 2 ) CODIGO CHAVE ( 3 ) CODIGO PURIFICAÇAO ( 2 ) CODIGOS DE CURA ( 2 ) COLETANEA ( 30 ) COLONIA NOSSO LAR ( 3 ) COMANDNDANTE SHARMAN ( 1 ) COMANDO ESAKA ( 1 ) COMANDO ESTELAR ( 15 ) COMENTARIOS ( 2 ) COMETA ( 104 ) COMUNICADO ( 4 ) CONFEDERAÇAO ( 33 ) CONS DOS 12 ( 28 ) CONSCIENCIA ( 74 ) CONSELHO DE LUZ ( 21 ) CONSELHO ELOHINS ( 3 ) CONSELHO PLEIDIANO ( 12 ) CONSTELAÇÃO DE AQUÁRIOS ( 1 ) CONSTELAÇÃO DE PÉGASUS ( 1 ) CONSTELAÇÃO OFIUCO ( 1 ) CONTADOR ( 1 ) CONTROLE DA MENTE ( 2 ) CONVERGENCIA 1987 ( 5 ) CONVITE ( 3 ) COSMÒSIS ( 1 ) CRENÇAS ( 5 ) CRIANÇA INTERNA ( 2 ) CRISTAIS ( 18 ) CRISTINA CAIRO ( 1 ) CRISTO MIGUEL ( 112 ) CROP CIRCLE ( 69 ) CRUZ COSMICA ( 2 ) CRUZES MUTAVEIS ( 1 ) CULTURA INDIGENA ( 6 ) CURA ( 80 ) CURSO EM MILAGRES ( 2 ) DA VINCI ( 1 ) DALLA BLOG ( 21 ) DAVID ICKE ( 21 ) DAVID WILCOCK ( 19 ) DECRETOS ( 30 ) DEMOCRACIA ( 1 ) DEUS ( 56 ) DEUSA ( 5 ) DEUSA CRIAÇAO ( 2 ) DEUSA ISIS ( 26 ) DEUSA SOLAR ( 4 ) DEVAS ( 3 ) DIA DA PAZ ( 6 ) DIA DO TRABALHO ( 1 ) DIA DOS PAIS ( 1 ) DIÁLOGOS ( 2 ) DIANA COOPER ( 1 ) DICAS ( 2 ) DICLOSURE PROJECT ( 9 ) DIMENSÕES ( 69 ) DIREITOS AUTORAIS GOOGLE BRASIL ( 1 ) DIREITOS E CONSTITUIÇÃO ( 1 ) DISCERNIMENTO ( 2 ) DIVINA PRESENÇA ( 6 ) DIZIMO ( 1 ) DJWHAL KHUL ( 5 ) DNA ( 55 ) DOCUMENTARIO ( 18 ) DOLORES CANNON ( 4 ) DR WAYNE W DYER ( 1 ) DRACONIANOS ( 3 ) DRAGÕES DE LUZ ( 1 ) DROGAS ( 15 ) DRONES ( 2 ) DRUNVALO ( 15 ) DUENDES ( 1 ) E Q M (Exp quase morte) ( 8 ) EBOLA ( 1 ) ECKHART TOLLE ( 10 ) ECLIPSE ( 49 ) EDGAR CAYCE ( 4 ) EDUCAÇÃO ( 11 ) EFC EXPERIENCIA FORA DO CORPO ( 2 ) EFRAIM ( 1 ) EGREGORA ( 1 ) EINSTEIN ( 3 ) EIXO DA TERRA ( 5 ) ELEIÇOES ( 7 ) ELEMENTAIS ( 26 ) ELETROMAGNETISMO ( 1 ) ELIAS PROFETA ( 1 ) ELIIDA ( 2 ) ELIPHAS LEVI ( 1 ) ELOHIM ( 72 ) ELORYON SENHOR DA LUZ ( 1 ) EMMANUEL ( 80 ) ENERGIA ( 164 ) ENKI DE NIBIRU ( 1 ) Entretenimento ( 5 ) EQUINOCIO ( 2 ) ERA DE CRISTAL ( 5 ) ERGOM ( 4 ) ERIK VON DANIKEN ( 1 ) EROS ( 1 ) ESCOLA DE MENSAGEIROS ( 2 ) ESFERAS ( 1 ) ESPERANÇA ABUNDANTE ( 31 ) ESPIRITISMO ( 79 ) ESSENIOS ( 2 ) ESTAÇÃO ASGARDIA ( 2 ) ESTRELA DE ALDEBARAN ( 1 ) ESTRELA DE SIRIUS ( 4 ) ESTUDOS ( 1 ) ESU ( 20 ) ETEREO ( 1 ) ETS ( 3 ) EU SOU ( 12 ) EU SUPERIOR ( 56 ) EVACUAÇAO ( 2 ) EVANGELHO S JOAO ( 1 ) EVENTOS ( 26 ) Exercicios ( 30 ) EXILADOS NA TERRA ( 2 ) EXTRATERRESTRE ( 763 ) extratos ( 5 ) FADA ( 3 ) FAMILIA UNIVERSAL ( 10 ) FÁTIMA ( 1 ) FEDERAÇAO DA LUZ ( 28 ) FEDERAÇAO GALÁCTICA ( 317 ) FELINOS ( 5 ) FEMA ( 1 ) FENIX ( 1 ) FENÔMENOS ( 4 ) FERNANDO H.CARDOSO ( 1 ) FERNANDO MALKUN ( 1 ) FERRAMENTAS ( 1 ) FILMES ( 38 ) FISICA QUANTICA ( 26 ) FONTE ( 6 ) FOTOS ( 1 ) FRANCISCO DE ASSIS ( 5 ) FRASES ( 5 ) FRATERNIDADE BRANCA ( 6 ) FRAUDES ( 1 ) FUKUSHIMA ( 2 ) FUNDAÇÃO KESHE ( 17 ) FURACÂO IRMA ( 5 ) FURACÃO MATTHEW ( 1 ) FURACÃO NO BRASIL ( 1 ) GANDHI ( 3 ) GANIMEDES ( 3 ) GASPARETTO ( 7 ) GAUTAMA BUDA ( 4 ) GEMMA GALGANI ( 1 ) GENERAL UCHOA ( 3 ) GEO ENGENHARIA ( 5 ) GEOMETRIA SAGRADA ( 9 ) GEORGE GREEN ( 1 ) GESH ( 15 ) GHANDI ( 1 ) GIORDANO BRUNO ( 1 ) GLANDULA PINEAL ( 9 ) GLANDULA TIMO ( 1 ) GLOSSARIO ( 3 ) GLT GOVERNO DA LUZ ( 1 ) GOLFO ( 1 ) GOODETXSG/COREY ( 47 ) GRADE CRISTALINA ( 1 ) GRANDE SOL CENTRAL ( 1 ) GRANDULA PNEAL ( 5 ) GREG BRADEN ( 20 ) GRUPO 33 ( 1 ) GUARDIAO ( 2 ) GURU ( 1 ) HAJA LUZ ( 7 ) HATHORS ( 2 ) HATTON ( 9 ) HAYOT HA KODESH ( 1 ) HEBE CAMARGO ( 1 ) HELIO COUTO ( 4 ) HERCOLUBUS ( 47 ) HERMES TRIMEGISTRO ( 1 ) HIBRIDOS HUMANO ( 4 ) HIERARQUIAS ( 7 ) HILDEGARDE DE BINGEN ( 7 ) HINO BRASIL ( 1 ) HIPNOSE ( 3 ) HIRAM ( 2 ) HO OPONOPONO ( 4 ) HOLOGRAMAS ( 10 ) HOMENAGEM ( 1 ) HORÁRIO DE ALINHAMENTOS ( 30 ) HUMI ( 1 ) HUMOR ( 2 ) HUNA HAWAIANA ( 1 ) ILHAS CANÁRIAS ( 1 ) IMAGENS INCRIVEIS ( 1 ) IMAGENS MENTAIS ( 1 ) IMHOTEP ( 1 ) IMPESSOAL ( 1 ) IMPLANTES ( 20 ) INDIGOS ( 104 ) INFORMAÇÃO ( 481 ) INFORME MINTAKA ( 9 ) INTER DIMENSIONAL ( 6 ) INTRATERRENO ( 64 ) INVERSAO DOS POLOS ( 32 ) INVOCAÇAO ( 2 ) IRDIN ( 3 ) IRMANDADE DA LUZ ( 10 ) IRMAO K ( 8 ) ISHA ( 2 ) ISHTAR ANTARES ( 1 ) ISTWIL ( 3 ) J J BENITEZ ( 7 ) J.J.HURTAK ( 2 ) JARDINEIROS DO ESPAÇO ( 3 ) JFK ( 1 ) JOAHDI ( 2 ) JOHN F KENNEDY ( 2 ) JOHN TITOR ( 2 ) JOSE ARGUELLES ( 1 ) JOSHUA DAVID STONE ( 3 ) KARL MARX ( 1 ) KARMA ( 10 ) KARRAN ( 2 ) KAUNAS ( 1 ) KIRAEL ( 5 ) KORTON ( 1 ) KRIS WON ( 9 ) KRISHAMURTI ( 4 ) KRYON ( 629 ) KUAN YIN ( 14 ) KUMARA ( 3 ) KYMATICA - ASTROLOGIA ( 1 ) LADY ESPERANÇA ( 1 ) LADY MARY ( 1 ) LADY NADA ( 6 ) LADY VENUS ( 1 ) LAERCIO FONSECA ( 11 ) LAURA BOTELHO ( 203 ) LAYALIS JASTYF ( 1 ) LEA OS LOUCOS ESTELARES ( 2 ) LEI DE AÇÃO E REAÇÃO ( 1 ) LEI DO UM ( 2 ) LEIS ( 24 ) LEMBRETE ( 1 ) LEMNISCATA ( 1 ) LEMURIA ( 16 ) LEONARD NIMOY - SPOCK ( 1 ) LEONARDO BOFF ( 1 ) LHC ( 1 ) LINGUAGEM DA LUZ ( 2 ) LINHAS LEY ( 10 ) LIVRE ARBITRIO ( 9 ) LIVROS ( 101 ) LOGOS SOLAR ( 1 ) LORD MERLIM ( 5 ) LOUISE HAY ( 12 ) LUA ( 93 ) LUA CHEIA ( 12 ) LUA DE LUZ ( 6 ) LUXONIA ( 2 ) LUZ PLATINA ( 1 ) LUZDEGAIA ( 20 ) LUZIEL ( 8 ) MA ANANDA MOYI ( 3 ) MA MAHAGAURI ( 1 ) MADRE TEREZA ( 5 ) MAE DIVINA ( 39 ) MAE EUFROSINIA ( 1 ) MAE GAIA ( 116 ) MAE MARIA ( 318 ) MAGO LUA BRANCA ( 1 ) MAGOS NEGRO CAPELA ( 1 ) MAHA CHOHAN ( 12 ) MAHATMA ( 1 ) MAIAS ( 49 ) MAITREYA ( 9 ) MALDEK (TIAMATH) ( 2 ) MANDALAS ( 13 ) MANIFESTO ( 2 ) MANTRAS ( 19 ) MANUAL ( 16 ) MAPA ( 3 ) MAQUINA DO TEMPO ( 2 ) MARCHA 1 MILHÃO ( 5 ) MARIA MADALENA ( 15 ) MARIA RAIO X ( 1 ) MARIA SILVIA ORLOVAS ( 5 ) MARTE ( 85 ) MARTIN REES ( 1 ) MASAHARU TANIGUCHI ( 1 ) MASARO EMOTO ( 1 ) MASHUBI ROCHELL ( 1 ) MATER MAE ( 2 ) MATERIAS ( 65 ) MATIAS DE STEFANO ( 15 ) MATRIX ( 25 ) MATTHEWS ( 98 ) MAYTREIA ( 21 ) MEDICINA BIONERGÉTICA ( 1 ) MEDICINA CONVENCIONAL ( 1 ) MEDITAÇÃO ( 89 ) MEDIUNIDADE ( 2 ) MELQUISEDEQUE ( 64 ) MEMÓRIAS ( 3 ) MENSAGENS ( 20 ) MERKABA ( 5 ) MESTRA ASTREIA ( 1 ) MESTRA CRISTAL ( 2 ) MESTRA EGEIA ( 1 ) MESTRA NADA ( 26 ) MESTRA PORTIA ( 6 ) MESTRA ROWENA ( 11 ) MESTRA SAIDA KHATOON ( 25 ) MESTRE AFRA ( 1 ) MESTRE ALFAZEMA ( 1 ) MESTRE CARMI ( 1 ) MESTRE EL MORYA ( 47 ) MESTRE HILARION ( 73 ) MESTRE JESUS ( 543 ) MESTRE KHUTUMI ( 18 ) MESTRE LANTO ( 9 ) MESTRE PAULO VENEZIANO ( 3 ) MESTRE RAM ( 18 ) MESTRE SAINT GERMAIN ( 229 ) MESTRE SALONIS ( 1 ) MESTRE SANANDA ( 117 ) MESTRIA ARCANJO MIGUEL ( 1 ) METAFISICA ( 6 ) METRATON ( 393 ) MICHIO KAKU ( 1 ) MIKE QUINSEY ( 9 ) MIKOS - TERRA OCA ( 1 ) MINHA MESTRIA ( 7 ) MISSÃO RAHMA ( 1 ) MISSÃO TERRA ( 6 ) MIZ TLI TLAN ( 3 ) MOINTIAN ( 9 ) MONGE TIBETANO ( 1 ) MONJA COEN ( 2 ) MONJORONSON ( 7 ) MONTAGUE KEEN ( 128 ) MOOJI ( 2 ) MORTE ( 9 ) MOTIVAÇÃO ( 1 ) MSTRE KUTHUMI ( 51 ) MUDANÇAS ( 10 ) MUDRA ( 2 ) MULTIMIDIMENSIONALIDADE ( 23 ) MUSICA ( 7 ) MYTHI ( 1 ) Nabara ( 1 ) NAMASTE ( 5 ) NANOTECNOLOGIA ( 3 ) NAPOLEON HILL ( 1 ) NASSIM HARAMEIN ( 21 ) NATAL ( 25 ) NAVE ALFA ( 32 ) NAVE AVALON ( 1 ) NAVE AZUL ( 8 ) NAVE MÃE ( 3 ) NAVE SHAN ( 2 ) NAVES ESPACIAIS ( 4 ) NEFILIM ( 1 ) NEPHILIM ( 1 ) NESARA ( 10 ) NEXUS ( 9 ) NIBIRU ( 81 ) NIKOLA TESLA ( 27 ) NIOBIO ( 4 ) NO YES ( 1 ) NODOS ( 2 ) NOM (Nova Ordem Mundial) ( 6 ) NOSSA SENHORA ( 2 ) NOSTRADAMUS ( 9 ) noticias ( 62 ) NOVA ERA ( 6 ) NOVA TERRA ( 62 ) NUMEROLOGIA ( 20 ) O COLETIVO ( 20 ) O CONSELHO ( 120 ) O CRIADOR ( 59 ) O EVANGELHO DE TOMÉ ( 2 ) O EVENTO BRASIL ( 1 ) O EVENTO... ( 5 ) O GRUPO ( 120 ) O M AVAINHOV ( 184 ) O MANTO ( 1 ) O MEDO ( 12 ) O OLHO ORUS ( 1 ) O PAI NOSSO ( 3 ) O PLANETA SHAN ( 5 ) O SEGREDO ( 1 ) O SILENCIO -SABEDORIA INDIGENA ( 1 ) O SOM ( 4 ) OBAMA ( 2 ) ONDA DE ASCENSÃO ( 7 ) ONDA GALACTICA ( 8 ) OPERAÇÃO PRATO - OVNIS ( 5 ) OPERAÇAO RESGATE ( 1 ) ORAÇAO ( 32 ) ORBES ( 4 ) ORIAH ( 1 ) ORION ( 78 ) ORIONIS ( 15 ) OS ALIADOS ( 12 ) OS ILUMINADOS ( 29 ) OS MESTRES ( 166 ) OSAMA BIN LADEN ( 1 ) OSHO ( 165 ) OSIRIS ( 2 ) OSNI - OBJETO SUBMARINHO NÃO IDENTIFICADO ( 2 ) OUSE ( 1 ) OVNIS ( 611 ) OWEN WATERS ( 123 ) OXALC ( 6 ) P`TAAH ( 2 ) PAI CRIADOR ( 5 ) PAI JOAO DE ANGOLA ( 1 ) PAI JOÃO DE ANGOLA ( 1 ) PAI JOAQUIM DE ARUANDA ( 2 ) PALESTRAS ( 1 ) PALLAS ATHENAS ( 17 ) PAPA FORCE ( 2 ) PAPA FRANCISCO ( 3 ) PAPA JOAO PAULO II ( 2 ) PARABOLAS ( 2 ) PARTICULAS DA FONTE ( 30 ) PASSES ( 1 ) PAUL LAUSSAC ( 1 ) PAULO COELHO ( 1 ) PAULO VENEZIANO ( 1 ) PAX ( 2 ) PEDRAS ( 1 ) PEDRO COELHO ( 1 ) PÉGASO ( 1 ) PENA BRANCA ( 4 ) PENTAGRAMA ( 1 ) PERGUNTAS E RESPOSTAS ( 6 ) PERIGEU ( 1 ) PERISPIRITO ( 2 ) PEROLAS ( 29 ) PETER DEUNOV ( 3 ) PETIÇÃO ( 12 ) PHILLIPE DE LYON ( 8 ) PIRAMIDES ( 5 ) PITAGORAS ( 1 ) PLANETA MALDEC ( 13 ) PLANETA X ( 19 ) PLANO ASTRAL ( 1 ) PLEIADES 1 ( 483 ) PLEIADES 2 ( 9 ) PLEIDIANOS ( 404 ) PODCAST ( 3 ) POESIAS ( 1 ) POLOS ( 14 ) PORTAL ( 187 ) PORTAL ALCIONE ( 2 ) PORTAL ULTRA ( 1 ) portal2013br ( 14 ) POSEIDON ( 2 ) POVO AZUL ( 11 ) PPS ( 1 ) PRESENÇA EU SOU ( 4 ) PREVISÕES ( 11 ) PRIMEIRO CONTATO ( 10 ) PROCYON ( 2 ) PROFECIAS ( 69 ) PROJEÇÃO ASTRAL ( 3 ) PROJETO HAARP ( 15 ) PROJETO MONTAUK ( 2 ) PROJETO PORTAL ( 1 ) PROJETO VENUS - BRASIL ( 1 ) PROJETOR ( 12 ) PROSPERIDADE ( 2 ) PROTOCOLOS ( 10 ) PSICOGRAFIA ALFRED SCHUTZ ( 1 ) PTAH ( 44 ) RAÇAS ESTELARES ( 6 ) RAELIANOS ( 1 ) RAIMBOW PHOENIX ( 2 ) RAINBOW PHOENIX ( 3 ) RAINHA ISABEL ( 2 ) RAIOS ( 16 ) RAMAATHIS MAM ( 3 ) RAMATAN ( 14 ) RAMATIS ( 21 ) RAMTHA ( 1 ) recado aos leitores ( 1 ) REDE MUNDIAL ( 3 ) REFLEXÕES ( 698 ) REGISTRO AKASHICOS ( 2 ) REIKI ( 4 ) RELATORIO ( 1 ) RELATOS ( 3 ) RELIGIAO X ESPIRITUALIDADE ( 18 ) RELOGIO COSMICO ( 1 ) REPTILIANOS ( 24 ) RESGATE ( 1 ) RESSONÃNCIA ( 11 ) RETIROS ETÉRICOS ( 1 ) Rev Mark Kimmel ( 12 ) REVELAÇAO ( 9 ) RICHARD DOLAN ( 1 ) RITUAL ( 2 ) ROBERTO RAPÉE ( 3 ) ROBERTO SHINYASHIKI ( 4 ) ROBO ( 1 ) ROBSON PINHEIRO ( 4 ) RODRIGO ROMO ( 81 ) ROMMANEL CRE"ATOR ( 1 ) RUMI ( 1 ) SABEDORIA DOS ANJOS ( 6 ) SAITHRHU ( 1 ) salmos ( 1 ) SALOMAO ( 12 ) SALTO QUANTICO ( 4 ) SALU SA DE SIRIUS ( 767 ) SAMANA ( 1 ) SANAT KUMARA ( 41 ) SANTIAGO O APOSTOLO ( 1 ) SAO CIPRIANO ( 1 ) SÃO JOSE ( 1 ) SARAH ( 3 ) SASHA ( 1 ) SATHYA SAI BABA ( 2 ) SATIA SAI BABA ( 2 ) SATSANG DO COLETIVO DO UM ( 16 ) SATYAPREM ( 1 ) SAUDAÇÕES DE ORION ( 2 ) SAUDE ( 25 ) SAUL ( 306 ) SELACIA ( 18 ) SEMENTE ESTELAR ( 46 ) SEMENTES DE SIRIUS ( 2 ) SENHORA SOL ( 9 ) SENHORES DO CARMA ( 2 ) SENSITIVO ( 1 ) SERAPHIN ( 7 ) SERAPHIS BEY ( 15 ) SEREIAS ( 2 ) SERES DE JUPITER ( 1 ) SERES DIMENSIONAIS ( 91 ) SERES OCS ( 2 ) SERETI ( 26 ) SERIE DE TEXTOS AD ( 20 ) SERITI ( 2 ) SETE SELOS ( 4 ) SHAKESPEARE WILLIAM ( 1 ) SHAMBALLA ( 5 ) SHANYA ( 1 ) SHAUMBRA ( 18 ) SHEKINAH ( 9 ) SHELDAN NIDLE ( 278 ) SHIMA ( 92 ) SHINKOLE ( 5 ) SHION DE ANTARES ( 2 ) SHOAM ( 1 ) SHOIM ( 6 ) SHTARRER ( 18 ) SHYLTON DIAS ( 4 ) SILO ( 1 ) SIMBOLOS ( 10 ) SINAIS ( 14 ) SINARQUIA ( 1 ) SINDROME DO PÂNICO X MEDIUNIDADE ( 1 ) SINKHOLE ( 1 ) SINTESE ( 74 ) SIRAYA ( 2 ) SIRIANOS ( 77 ) SIRIUS B ( 14 ) SISTEMAS ( 5 ) SITE ANJO DE LUZ ( 11 ) SNATAM KAUR ( 1 ) SNOW ( 8 ) SNOWDEN ( 4 ) SOL ( 114 ) SOLARA ( 4 ) SOLSTICIO ( 9 ) SOLTEC ( 1 ) SOM DO APOCALIPSE ( 5 ) SOMBRA ( 6 ) SONHOS ( 2 ) sons ( 28 ) SOREM ( 1 ) SRI AUROBINDO ( 34 ) STARGATE ( 1 ) STEVE BECKOW ( 23 ) STEVEN M GREER ( 2 ) SUSTENTABILIDADE ( 26 ) SVALI ( 1 ) TANIA RESENDE ( 4 ) TECNICAS ( 2 ) TECNOLOGIAS ( 13 ) TELECINESIA ( 1 ) TELEPATIA ( 21 ) TELESCOPIO HUBBLE ( 4 ) TELETRANSPORTE ( 19 ) TELLUS SHAMBALA ( 2 ) TEMPLARIOS ( 1 ) TEMPLO TELLES ( 1 ) TEMPO ( 3 ) TERCEIRA GUERRA ( 1 ) TERRA É PLANA ( 2 ) TERRA OCA ( 27 ) TERREMOTO ( 49 ) TEXTOS ( 5 ) THE CONTINUUM ( 7 ) THOT ( 3 ) TIPO SANGUINEO ( 1 ) TOBIAS ( 119 ) TOQUES DO CRIADOR ( 5 ) TORRES DE METAL ( 1 ) TRABALHADORES DA LUZ ( 45 ) TRANSHUMANISMO ( 1 ) TRANSICÃO PLANETARIA ( 386 ) TREINAMENTO ( 1 ) Tres dias Escuridão ( 11 ) TRIANGULO DAS BERMUDAS ( 2 ) TRIBO HOPI ( 3 ) TRIGUEIRINHO ( 42 ) TRILOGIA ( 2 ) TSE-BO-RAH ( 2 ) UCEM ( 1 ) UFOS ( 612 ) ULTRATERRESTRE ( 2 ) UM AMIGO ( 14 ) UMBANDA ( 36 ) UNICORNIO ( 1 ) UNTWINE ( 1 ) URANIANOS ( 3 ) URANTIA ( 26 ) UTE ( 33 ) UTILIDADE PÚBLICA ( 21 ) VEGA DE LIRA ( 24 ) VEGETARIANISMO ( 1 ) VELATROPA E YASMIM ( 4 ) VENUSIANOS ( 11 ) VIAGEM ASTRAL ( 7 ) VIAGEM DO TEMPO ( 3 ) VIAJANTE DO TEMPO ( 19 ) VIBRAÇÃO ( 28 ) VIDENTE ( 1 ) VIDEOS ( 55 ) VINICIUS E MARCIA DINIZ ( 33 ) VIRGIL ARMSTRONG ( 1 ) VIRUS ( 1 ) VIVENCIA ( 1 ) VIZUALIZAÇÃO ( 2 ) VORTICE-Pedro elias ( 1 ) VOZ ESPACIAL ( 2 ) VULCÕES ( 16 ) VYWAMUS ( 4 ) WAGNER BORGES ( 9 ) WALK-IN ( 25 ) WESAK ( 10 ) WILLIAN LEPAR ( 38 ) WORLD WIDE WEB WWW ( 1 ) WOYRAN ( 1 ) XAMÃ ( 6 ) YODS ( 1 ) YOGA ( 1 ) YOGANANDA ( 3 ) YOGI BABAJI ( 11 ) YRIS ( 2 ) YURI ( 2 ) ZECHARIA SITCHIN ( 1 ) ZEUS ( 1 ) ZIKA VIRUS ( 3 ) ZINAKEL ( 1 ) ZINGDAD ( 1 ) ZOOSH - ROBERT SHAPIRO ( 1 ) ZUMBI ( 1 )

COMUNICADO AOS SEGUIDORES DO BLOGER

ATENÇÃO LEITORES DO BLOG, MUDANÇAS A CAMINHO FEITAS PELO GOOGLE...

COMUNICADO

ATENÇÃO SEGUIDORES DO MEU BLOG..

SEGUNDA-FEIRA, 1 DE FEVEREIRO DE 2016

Tenho notado que o número de seguidores do blog vem diminuindo a cada dia, cheguei a pensar que pudesse ser um vírus, ou simplesmente um desinteresse em massa...

Nada disso.

Eis um trecho da nota postada no fórum deles:

"A partir do dia 11 de janeiro de 2016 não será mais possível seguir blogs com oGoogle Friend Connect usando oTwitter, Yahoo, Orkut ou outras contas do tipo OpenId.

Além disso, removeremos doGoogle Friend Connect os perfis de contas que não são do Google, então é possível que vocês notem uma queda no número de seguidores em seus blogs."

Infelizmente não sei quais seguidores"sumiram" do blog, mas caso você não tenha uma bendita conta no Google e ainda queira acompanhar o blog, a solução dada por eles é a seguinte:

Crie uma conta Google para acessar o Friend Connect e seguir o blog novamente com essa conta.

Se você tem um blog, saiba mais AQUI.

https://productforums.google.com/forum/#!msg/blogger-pt/gSORVR3q27w/sHDeNf7tCgAJ

CUIDADO COM OS FALSOS PROFETAS...

“Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela; E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem. Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores. Por seus frutos os conhecereis. Porventura se colhem uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos?"

Mateus 7:13-16

COMENTARIOS RECENTES

POSTAGENS MAIS ACESSADAS

EU SOU O QUE EU SOU, DEUS “Ehyeh Asher Ehyeh” SO HAN

Minha foto
PARA AQUELES QUE QUEREM SE APROFUNDAR DE ONDE VEM, E PARA ONDE VAI...TEMAS RELACIONADOS A ESSA EXPECTATIVA..

Adamus Saint Germain

Adamus Saint Germain
Regente 7o.Raio-Era de Aquário

APELO A SAINT GERMAIN

Eu Invoco a Saint Germain para me ajudar a transmutar e requalificar todas energias densas que estejam em meu campo Aurico

Assim seja,

Amém....

Eu Sou um Ser de Fogo Violeta, Eu Sou a Pureza que Deus deseja...

TRADUÇÂO DO TEXTO DA FOTO

A LOVING FRIENDSHIP OF HEAVENLY ANGELS FROM GALACTIC CONFEDERATION OFF PLANETS WITH EARTHMEN IN A SPACE SHIP TRADUÇÃO GOOGLE

A AMIZADE AMOROSA DE HEAVENLY ANJOS DA CONFEDERAÇÃO GALACTIC PLANETAS FORA COM TERRÁQUEOS EM UMA NAVE ESPACIAL

SELAMAT GAJUN! SELAMAT JA!

(EM IDIOMA SÍRIUS:

SEJAM UM!SEJAM EM ALEGRIA!)

}(document, 'script', 'facebook-jssdk'));